Transição é sempre transição. Ainda sobre o vento.

Os ventos soprando forte, a imposição da transição e com ela o desafio da mudança, o apelo interno pela certeza…de saber que este é o passo que precisa ser dado na busca de um futuro-aqui-e-agora, na busca da realização pessoal, na busca do cumprimento de nossa missão pessoal, do que dá sentido a vida, do que será nosso verdadeiro legado.

Como eu gostaria de poder fazer tudo diferente, de me encontrar com cada paciente do consultório de acupuntura que pratiquei por 16 anos initerruptos, pegá-los no colo e dizer, o que sempre disse, eu estou aqui. Saber que isso não é possível, dói.

É solitário esse caminho, exige uma determinação imensa e um respirar fundo atrás do outro. Para onde quer que o vento sopre. Para eles, para mim.

Sabe aquele vento de frente, que faz a bicicleta ficar 5 vezes mais pesada, que bate ali nas imediações da igreja de são Jose, aquela redonda de vidro, na Lagoa? Pois é. Quando penso nos meus pacientes de acupuntura, é assim que me sinto, mas tenho que continuar a pedalar, eu sei. Eu sinto. Eu quero.

Que eles não se sintam desamparados, que a luz do amor de todos os budas, santos, anjos e mestres ou simplesmente o sagrado-de-cada-um, inunde seus corações, para que possamos prosseguir na jornada, na busca, na vida, no aqui, no agora, sem expectativas, com a verdade e a coerência intima como norte.

Anúncios

Sobre adrianathomaz

Na vida: autenticidade e coerência íntima, amor, muito amor, fé e fotografia! Educação para a morte e o morrer. Terapia do Luto, Dor e Medicina Paliativa.
Esse post foi publicado em pessoal, Profissional, visao pessoal. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s